Banner_head Governo do Estado

Banner_head Câmara

quarta-feira, 20 de janeiro de 2021

Camilo diz que não há previsão de entrega de lotes da vacina e cita “novas medidas” contra a COVID-19


O governador Camilo Santana declarou em suas redes sociais nesta quarta-feira, 20, que o aumento de casos de COVID-19 no Ceará tem gerado preocupação. Nesse sentido, já avalia implantar novas medidas no Estado para frear o avanço da doença.

“Reunião desde o começo da manhã com nossa equipe da Saúde e com o prefeito Sarto avaliando o aumento dos números da COVID nos últimos dias, o que tem nos causado muita preocupação. Diante dos indicadores, estamos antecipando a reunião do Comitê que delibera sobre o Decreto Estadual para amanhã de manhã, quando discutiremos a implantação de novas medidas”, destacou o governador.

Camilo ainda ressaltou que muita gente vai continuar sem imunização por um “certo período”.

“Também deveremos apresentar um plano de ampliação de leitos para COVID. Mesmo com o início da vacinação, sem a previsão do Ministério para os próximos lotes, esse processo deve se estender pelos próximos meses. Portanto muita gente ainda continuará sem imunização por um certo período, o que nos deixa em alerta para uma possível continuidade do aumento de casos e da pressão assistencial. Continuaremos agindo com todo o rigor e responsabilidade com o objetivo prioritário de salvar vidas, disse.

Vale lembrar que na última segunda-feira, 18, o Ceará recebeu 218 mil vacinas CoronaVac, produzidas pelo Butantan. Desse total, 80 mil foram repassadas para Fortaleza. As demais seguiram para os demais municípios cearenses. (Focus)

Últimas notícias