Banner_head Governo do Estado

Banner_head camara fortaleza

domingo, 31 de janeiro de 2021

Dia Nacional de Combate e Prevenção da Hanseníase: doença registra cerca de 30 mil novos casos por ano no Brasil


Janeiro chega ao fim com a data dedicada à conscientização de uma doença histórica que ainda preocupa secretarias de saúde do País. O Dia Mundial de Combate à Hanseníase é lembrado em todo último domingo do mês, levando reflexões sobre essa doença que registra cerca de 30 mil novos casos por ano no Brasil. Apesar de ser conhecida há séculos, a hanseníase é um desafio de várias cidades. Entre os 10 municípios com maior incidência de casos, todos são do Centro-Oeste, sendo nove do Mato Grosso e um de Goiás. Ribeirãozinho (MT) puxa a lista de taxa da doença, com 5,36 casos a cada mil habitantes, segundo dados do Datasus, do Ministério da Saúde. 

No Brasil, as regiões consideradas como hiperendêmicas são o Centro-Oeste, Norte e Nordeste, que correspondem a quase 85% dos casos do País, segundo a Sociedade Brasileira de Clínica Médica (SBCM). 

Os 15 municípios com mais casos são Ribeirãozinho (MT), Itaúba (MT), Campos Verdes (GO), Nova Santa Helena (MT), Juína (MT), Cláudia (MT), Ponte Branca (MT), Querência (MT), Marcelândia (MT), Peixoto de Azevedo (MT), Pedro Gomes (MS), Água Boa (MT), São Valério (TO), Guarantã do Norte (MT) e Araguaiana (MT). 

Fonte: Brasil 61 

Últimas notícias