Banner_head camara fortaleza

Banner_head Governo do Estado

segunda-feira, 25 de abril de 2022

Assembleia entrega 10 toneladas de livros arrecadados para o sistema prisional cearense


A Assembleia Legislativa do Estado do Ceará realizou, nesta segunda-feira (25), o encerramento da campanha “A Leitura Liberta”, iniciativa do Comitê de Responsabilidade Social da Casa para arrecadação de livros que serão doados ao sistema prisional do Ceará, com o objetivo de contribuir para a ressocialização e desenvolvimento pessoal. Foram arrecadadas durante as semanas da ação, ao todo, 10 toneladas de doações. 

O evento contou com as presenças do presidente do Parlamento, deputado Evandro Leitão, da primeira-dama e líder do Comitê de Responsabilidade Social, Cristiane Leitão, do primeiro secretário da Casa, deputado Antônio Granja, do deputado estadual Oriel Nunes Filho, do secretário da Administração Penitenciária do Ceará, Mauro Albuquerque, do presidente do Instituto de Estudos e Pesquisas para o Desenvolvimento do Estado do Ceará (Inesp), João Milton Cunha de Miranda, dentre outras autoridades e parceiros do Legislativo.  

Evandro Leitão destacou que a ação mostra o compromisso da Assembleia com iniciativas que priorizam a geração de oportunidades para as pessoas que mais precisam. "Essa doação de livros é uma forma pela qual o Parlamento Estadual contribui para o resgate de pessoas que em algum momento cometeram uma ilicitude, mas que podem ter a condição de se ressocializar, por meio do acesso ao conhecimento e da capacitação", disse o presidente. 

Em sua fala, Cristiane Leitão afirmou que foi tomada pela comoção ao ver a grande quantidade de livros doados ao longo da campanha. “Foram 10 toneladas de livros. Isso demonstra a importância da participação de todos. Entendemos que leitura não só liberta, como também resgata e restaura", enfatizou a primeira-dama.

Na cerimônia, houve a entrega simbólica dos livros ao secretário Mauro Albuquerque para o sistema prisional do Estado. “A leitura salva vidas. Hoje na nossa biblioteca temos na faixa de 13 mil livros e, com esta doação, será ampliada em muito mais, na média dos 30 mil livros novos somados. Essa é a dimensão da importância desta campanha da Assembleia Legislativa, vocês não têm ideia”, declarou o secretário em seu agradecimento. 

Livro "Enxergando o Invisível

A solenidade também foi marcada pelo lançamento do livro “Enxergando o invisível: o sistêmico na gestão pública”, uma publicação editada pelo Inesp e que aborda a inserção das práticas sistêmicas na gestão pública e apresenta experiências da Assembleia, como o Comitê de Responsabilidade Social, as ações de Saúde Mental e o Centro Inclusivo de Atendimento para o Desenvolvimento Infantil (Ciadi). 

A obra tem como autoras, Cristiane Leitão, líder do Comitê de Responsabilidade Social da Alece e primeira-dama, assim como as servidoras da Casa, Lídia Andrade, Maria do Socorro Timbó, Ana Saskya Vaz, Rejane Sales, Bráulio Teixeira, Carina Nogueira, Kátia Quitéria Gomes, Lara Lobo, Lygia Herayde Gomes, Luana Brasileiro, Patrícia Codevilla, Selma Machado e Tamires Campos. 

Homenagens

A Assembleia Legislativa realizou ainda homenagem a parceiros da campanha e pessoas atuantes na área da justiça, cultura de paz e desenvolvimento a partir do conhecimento e capacitação. 

Entre os homenageados estiveram o secretário Mauro Albuquerque, o presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), José Ricardo Montenegro Cavalcante (representado pelo vice-presidente, André Montenegro), o educador e diretor superintendente da Organização Educacional Farias Brito, Tales de Sá Cavalcante, o presidente do Inesp, João Milton Cunha de Miranda, o analista do Inesp, Valdo Costa, analista do Inesp, o Corpo de Bombeiros Militar do Ceará, por meio do Coronel Leandro Silva Nogueira, a desembargadora Graça Quental, responsável pela implantação das Centrais de Penas Alternativas na Grande Fortaleza, a juíza da execução penal e coordenadora do Grupo de Monitoramento e Fiscalização dos Sistema Carcerário e Socioeducativo (GMF), Luciana Teixeira, a defensora pública Aline de Paula Miranda e a defensora pública Francilene Gomes, vice-presidente da Comissão Nacional de Acesso à Justiça do Conselho Federal da OAB e atuante na área dos estudos de paz.

Últimas notícias