Banner_head Governo do Estado

Banner_head camara fortaleza

terça-feira, 30 de novembro de 2021

Assembleia definirá localização do aterro sanitário do COMARES nesta terça-feira, 30

 Deve ser definida, nesta terça-feira, 30, a localização da Central de Tratamento do aterro sanitário do Consórcio Intermunicipal de Gestão Integrada dos Resíduos Sólidos (COMARES). Essa é a principal pauta da Assembleia Geral Ordinária, que será realizada às 9h30, no auditório do Geopark Araripe, no Crato. Na ocasião, o Prefeito do Crato, Zé Ailton Brasil, Presidente do Consórcio, e os demais Prefeitos dos municípios consorciados devem discutir as ações para o ano de 2022.


A definição do local para instalação da Central de Tratamento do COMARES é mais uma importante fase pela consolidação do aterro consorciado, que resolverá definitivamente a problemática dos lixões na Região Metropolitana do Cariri. O equipamento beneficiará nove municípios da Região Metropolitana do Cariri: Crato, Juazeiro do Norte, Barbalha, Missão Velha, Jardim, Farias Brito, Caririaçu, Nova Olinda e Santana do Cariri e o município de Altaneira.

O Secretário Executivo do Consórcio, Brito Junior, explica que outras deliberações também serão tomadas na Assembleia, como a proposta orçamentária do Consórcio e as ações a serem priorizadas com os recursos. "A previsão orçamentária para 2022 está alçada pouco mais de quatro milhões de reais, com recursos advindos do Programa de Repasse do ICMS Ecológico, que pela primeira vez, contará com a participação completa de todos os Municípios consorciados", afirma.

De acordo com Brito Junior, a perspectiva é que o orçamento priorize ações de auxílio à Coleta Seletiva de Materiais Recicláveis, ações de Educação Ambiental, auxílio aos catadores para a continuidade de suas atividades e estruturação do setor, além da instalação de Ecopontos nos Municípios Consorciados.

A Assembleia terá representação dos 10 municípios consorciados, auxiliados por técnicos de duas Secretarias Estaduais, a das Cidades e a de Meio Ambiente, acompanhados por representantes da Caixa Econômica Federal e do Ministério da Economia, o que demonstra que o esforço pela erradicação dos lixões mobiliza as três esferas da União.

Últimas notícias