Banner_head Governo do Estado

Banner_head camara fortaleza

terça-feira, 5 de outubro de 2021

Eunício Oliveira chama Ciro Gomes de "poeta do mal" e "cantador de viola"


Ex-presidente do Senado Federal, Eunício Oliveira (MDB) atacou o adversário Ciro Gomes (PDT). Chamou o presidenciável trabalhista de "poeta do mal" e de "cantador de viola".

A fala tem como pano de fundo a "trégua de Natal" com os petistas, proposta de Ciro para que o foco da oposição seja exclusivamente a reunião de esforços políticos contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

O cessar-fogo foi sugerido pelo presidenciável, em coletiva, após ser hostilizado em ato das esquerdas na Avenida Paulista, em São Paulo. Ciro recebeu mensagens de solidariedade de vários atores políticos, inclusive dos que estiveram presentes ao protesto.

"O João Santana (marqueteiro de Ciro) pode mudar a imagem, mas não muda gênio, nem gênero. E quem já está desgastado pelo gênio, não conserta mais. O cara chamou todo mundo de ladrão, agora vão achar que ele está dizendo a verdade?", questionou o ex-senador em entrevista a Mônica Bergamo, colunista da Folha de S. Paulo.

Eunício vai receber Lula em sua residência em Brasília. Também estarão presentes à mesa emedebistas como o ex-presidente José Sarney e Ibaneis Rocha, governador do Distrito Federal e próximo de Jair Bolsonaro. Romero Jucá (RR) e Edison Lobão (MA) e o senador Veneziano Vital do Rêgo (PB) também foram convidados.  (Carlos Holanda\O Povo)

Últimas notícias