Banner Dengue CE

Banner Prefeitura de Fortaleza

Banner Camara Fortal

sábado, 16 de novembro de 2019

Guimarães articula vinda de Lula ao Cariri e quer Fernando Santana na disputa pela prefeitura de Juazeiro


O deputado federal José Guimarães (PT/CE) garantiu que Lula vem ao Ceará. A afirmação foi feita durante posse regional dos presidentes municipais do PT do Cariri ocorrida na tarde desta sexta-feira (15) em Juazeiro do Norte.

“Eu até já disse para ele: ‘se vem para o Ceará, se vai visitar duas regiões, uma tem que ser o Cariri'”, disse o parlamentar, que esteve com o ex-presidente ontem, em Salvador. Durante o evento, Guimarães também defendeu a candidatura do atual deputado estadual Fernando Santana (PT) a prefeito de Juazeiro no ano que vem.
Durante pronunciamento, Guimarães disse acreditar que o partido vem com força para as próximas eleições municipais. “Tô sentindo que vai ter uma onda do PT no próximo ano”, destacou. O petista prevê bons resultados ainda que o partido receba avaliações negativas vindas de outros nomes do campo da esquerda: “Eu prefiro nem ouvir direito algumas críticas infundadas que alguns fazem ao PT, especialmente o ex-governador Ciro Gomes. (…) Enquanto eles ficam falando mal de nós, a gente bota o pé na estrada e diz: ‘o PT é maior do que isso e o PT veio para ficar, e vai voltar a governar o País'”, declarou.

Guimarães afirmou que o PT possui três grandes tarefas atualmente. A primeira diz respeito a Lula, que precisa, segundo o parlamentar, percorrer o país. “Ele (Lula) não descansa coisa nenhuma”, garantiu. A segunda seria o restabelecimento dos direitos políticos do ex-presidente. “A começar pela suspeição do Moro no processo que o condenou lá em Curitiba”, afirmou. A terceira tem relação com a necessidade de candidaturas petistas de homens e mulheres para as eleições municipais no ano que vem “em todos os cantos e recantos do país”, ainda que preservando alianças no campo progressista.

 De acordo com Guimarães, o PT não será coadjuvante em tais acertos. “Não vamos deixar fazer alianças para esconder a bandeira vermelha do PT”, destacou. O petista também declarou que as atuais circunstâncias exigem bravura, sinalizando a necessidade de organização dos diretórios municipais para barrar os retrocessos do governo Bolsonaro. “O momento é de rebeldia, o momento é de ousadia”, assinalou.

O parlamentar cearense lembrou que o Brasil vive um momento de profunda radicalização protagonizada pelos integrantes do governo Bolsonaro. Mesmo com diferentes tipos de ataques, Guimarães frisou que os representantes do PT continuarão realizando o bom combate: “Quem já passou pelo que nós passamos, nada é pior do que o Lula ter ficado 580 dias trancado lá na Polícia Federal em Curitiba”. O petista acredita que, apesar das dificuldades enfrentadas com consequentes perdas de direitos, o Brasil terá chances de compreender as propostas em jogo. “Eu diria até que é um processo pedagógico, pois gera reflexões dos processos que vêm acontecendo desde o golpe cometido contra Dilma”.



(Assessoria de Imprensa do deputado/Nut Pereira)

Últimas notícias