Banner_head camara fortaleza

quinta-feira, 9 de junho de 2022

Congresso de Educação do Sistema Fecomércio tem início com assinatura de novas parcerias e debate sobre educação inclusiva

Foto: Fecomércio/Divulgação

O Sistema Fecomércio, através do Sesc e Senac, escolheu o Centro de Eventos do Ceará para o lançamento do seu III Congresso de Educação. O encontro deste ano volta a ser presencial e aborda, principalmente, o aperfeiçoamento docente e metodologias inovadoras em sala de aula. A abertura aconteceu nesta quarta-feira (8). A programação segue até esta sexta-feira (10) e conta com um time de profissionais especializados, de renome, que estão proporcionando além de novos conhecimentos, reflexões para o aprimoramento da atuação profissional do corpo docente do Sesc e Senac Ceará.

O evento chegou em sua terceira edição discutindo soluções educacionais para alunos, professores e instituições, todos imersos em ambientes cada vez mais tecnológicos. Durante a programação, o público formado pelo corpo docente do Sistema Fecomércio vai acompanhar palestras, workshops e mesas-redondas.

Em sua fala de abertura, o vice-presidente da Fecomércio, Luiz Fernando Bittencourt, destacou a maneira que o mundo vem se preparando para o pós-pandemia, para os desafios do mercado e como a sociedade vem impondo novas tomadas de decisão também no mundo educacional.

“A pandemia nos impôs nova ordem e novo ritmo, redesenhando nossas relações. É neste tom que o sistema Fecomércio, através do Sesc e Senac, realiza o congresso de educação, mirando nas transformações e inovações educacionais, elementos caros a nós, ao longo destes 74 anos. O Sistema Fecomércio sempre esteve atento às transformações e inovações, tendo como um dos nossos principais pilares o fomento à educação. E quando falamos em inovação na educação é importante focar nas pessoas, e o Congresso vem justamente levantar essa bandeira; fazer educação a partir das diversas mudanças tecnológicas, mas também abrir espaço para que os docentes debatam as dificuldades e desafios vividos no cotidiano”, destacou Luiz Fernando Bittencourt em sua fala de abertura.

O congresso foi pensado também como uma forma de congregar todas as equipes ligadas aos programas de educação do Sesc e as ações educativas do Senac, reunindo o que estas instituições ligadas à Fecomércio entregam à sociedade, como explica Henrique Javi, diretor-regional do Sesc Ceará. “Devido à pandemia estamos passando por uma série de adaptações, uso de novos aparatos, às vezes convivendo com modelos híbridos, às vezes com EaD, mas sem perder o principal compromisso, que é bem educar, caminho de construção de uma sociedade sólida".

No primeiro dia, além de apresentações culturais como do Reisado do Garajal, Coco de Praia do Iguape e do Coral Sesc Fortaleza, o congresso recebeu a palestra "Quem Cabe no Seu Todos?", de Claudia Werneck. A palestrante, empreendedora social é autora de 14 livros sobre direitos humanos.

Também no evento, Sesc e Controladoria-Geral da União assinaram parceria para colocar em prática o programa "Um Por Todos e Todos Por Um". De autoria da CGU e com selo do Instituto Mauricio de Sousa, o programa é focado na educação da ética, cidadania e desenvolvimento do senso crítico das crianças, direcionado às unidades Educar Sesc das cidades de Crato, Juazeiro do Norte, Sobral, Iguatu e Fortaleza, além das unidades do projeto Sesc Ler.

Assinaram a parceria Luiz Fernando Bittencourt, Henrique Javi, Leonildo Gomes Rocha, coordenador do Núcleo de Ações de Ouvidoria e Prevenção da CGU; e Antonio Edilberto Barreto, coordenador do programa no Ceará; além da professora Wládia Medeiros, diretora escolar da Unidade Educar Sesc - Fortaleza I. Para ela, trabalhar conteúdos como ética e cidadania só tem a engrandecer o currículo escolar. "Hoje, o que mais precisamos, é resgatar a cultura dos valores, que anda tão perdida na sociedade e este projeto vem contribuir fortemente com isso".

Últimas notícias