Banner_head camara fortaleza

sexta-feira, 17 de junho de 2022

Caso Dom e Bruno: avião da PF com restos mortais chega a Brasília


Pousou no início da noite desta 5ª feira (16.jun) no hangar da Polícia Federal, em Brasília, o avião com os restos mortais encontrados no local das buscas pelo indigenista brasileiro Bruno Araújo Pereira e o jornalista inglês Dom Phillips. Na descida da aeronave agentes da PF carregaram os remanescentes humanos em dois caixões. 

O material transportado de Tabatinga (AM) para a capital federal, será analisado a partir desta 6ª feira (17.jun) pelo Instituto Nacional de Criminalística da Polícia Federal, em Brasília. Segundo os investigadores, será possível fazer um teste de DNA para a identificação dos restos mortais.

O superintendente regional da PF no Amazonas, Eduardo Alexandre Fontes, em entrevista coletiva na noite desta 4ª afirmou que a identificação será realizada com toda a metodologia internacional que é adotada e reconhecia pela Interpol.

"A partir de agora nós passamos nessa nova etapa à fase de identificação desses remanescentes humanos, que estão sendo coletados com a maior dignidade, visando preservar a cadeia de custódia de provas", afirmou o superintendente.

O indigenista Bruno Pereira e o jornalista britânico Dom Phillips estavam desaparecidos na região do Vale do Javari, na Amazônia, desde o último dia 5. 


Últimas notícias