Banner_head camara fortaleza

Banner_head Governo do Estado

quinta-feira, 12 de maio de 2022

Confira quanto deputados e senadores do Ceará ganharam com o Orçamento Secreto


O jornal O Globo desta quinta-feira (12) publicou lista de deputados federais e senadores que se beneficiaram com o Orçamento Secreto do Governo Federal. O
 CN7 filtrou os nomes dos políticos do Ceará e mostra agora quanto cada um que está no levantamento ganhou.

Deputados federais cearenses

  • Júnior Mano (PL) – R$ 36.524.684,00
  • Domingos Neto (PSD) – R$ 31.600.000,00
  • Moses Rodrigues (MDB) – R$ 20.475.969,00
  • Robério Monteiro (PDT) – R$ 16.067.912,00
  • Genecias Noronha (PL) – R$ 10.820.000,00
  • Pastor Jaziel (PL) – R$ 9.600.000,00
  • Danilo Forte (União) – R$ 9.512.639,00
  • AJ Albuquerque (PP) – R$ 6.885.890,80
  • Mauro Benevides Filho (PDT) – R$ 2.901.142,00
  • Luizianne Lins (PT) – R$ 0
  • Denis Bezerra (PSB) – R$ 0
  • Célio Studart (PSD) – R$ 0

Senadores cearenses

  • Tasso Jereissati (PSDB) – R$ 0
  • Eduardo Girão (Podemos) – R$ 0
  • Cid Gomes (PDT) – R$ 0

Em tempo

Então, o levantamento do jornal aponta que 10 deputados federais cearenses não se manifestaram sobre o Orçamento Secreto. São eles:

  • André Figueiredo (PDT)
  • José Guimarães (PT)
  • Idilvan Alencar (PDT)
  • Eduardo Bismarck (PDT)
  • Pedro Bezerra (PDT)
  • José Airton (PT)
  • Capitão Wagner (União)
  • Vaidon Oliveira (PROS)
  • Heitor Freire (União)
  • Leônidas Cristino (PDT)

Em tempo II

Segundo O Globo, o Congresso enviou ao Supremo Tribunal Federal (STF) mais de cem ofícios de parlamentares em que cada um informa quanto indicou do orçamento secreto. A medida cumpriu uma determinação da ministra Rosa Weber, do STF, que no ano passado chegou a suspender o pagamento das chamadas emendas de relator.

Segundo a Casa legislativa, 342 deputados e 64 senadores repassaram informações. Alguns deles, contudo, disseram não terem sido contemplados. Segundo levantamento de O Globo, com base nos documentos, os parlamentares admitiram ter indicado R$ 11 bilhões, o que representa 30% dos R$ 36,4 bilhões que já foram liberados por meio das chamadas emendas de relator. Os 70% restante do orçamento secreto continua sem identificação.

Últimas notícias