Banner Governo do Estado

Banner Prefeitura de Fortaleza

segunda-feira, 15 de julho de 2019

Eleições para FENAJ e Sindicato dos Jornalistas do Ceará serão realizadas de 16 a 18 de julho


Nesta terça, quarta e quinta-feir, dias 16, 17 e 18 de julho, os jornalistas brasileiros vão às urnas para eleger a nova Diretoria Executiva, vice-presidências regionais e Departamentos da Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) e os cinco novos integrantes da Comissão Nacional de Ética (CNE). A eleição para a diretoria será por meio de chapa e, para a CNE, por meio de candidaturas individuais.

As votações são organizadas pelos sindicatos, que devem divulgar horários e locais de onde as urnas estarão disponíveis para a categoria. Todos os jornalistas em dia com os sindicatos têm direito a voto. A Federação Nacional dos Jornalistas é a única federação sindical a realizar eleições diretas para escolher sua diretoria e a comissão.

Depois de sete eleições com disputa, uma única chapa foi registrada para disputar a direção da FENAJ. A chapa "Audálio Dantas – FENAJ em defesa dos jornalistas, do jornalismo e da democracia" é encabeçada pela atual presidenta, Maria José Braga, de Goiás, e tem como vice-presidente Paulo Zocchi, de São Paulo. Os demais cargos da Diretoria são ocupados por jornalistas de todas as regiões do país e da maioria dos Estados.

A chapa única lançada representa a unidade entre situação e oposição, reunindo 12 componentes do grupo “Luta Fenaj!”. Dentre os candidatos à Comissão Nacional de Ética, está o jornalista Salomão de Castro, do Ceará, atual presidente da Comissão Estadual de Ética dos Jornalistas e presidente reeleito da Associação Cearense de Imprensa (ACI). As demais candidaturas são as de Cláudia de Abreu, do Rio de Janeiro; Kardé Mourão, da Bahia; Osnaldo Moraes, de Pernambuco; e Pinheiro Sales, de Goiás. Os jornalistas poderão votar em até cinco nomes para CNE.

Sindicato dos Jornalistas

Na eleição para a Diretoria Executiva, Conselho Fiscal, Delegados Representantes Junto à FENAJ, Seção Regional do Cariri do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado do Ceará (Sindjorce) e à Comissão Estadual de Ética, apresenta-se a chapa “Ousar e Lutar – Sindjorce de Todes”. Encabeçada pelo atual secretário-geral da entidade, Rafael Mesquita, jornalista da Federação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal no Estado do Ceará (Fetamce), a chapa "Ousar e Lutar" é composta por 20 integrantes e cinco candidatos à Comissão Estadual de Ética.

Também para a eleição da Comissão Estadual de Ética, existem quatro candidaturas. São elas as de Ana Alice Nogueira, Anderson Sandes, Angela Marinho e Rita Silveira, que integram o coletivo Resistência!. As candidaturas do coletivo Resistência! à Comissão Estadual de Ética representam a luta por uma entidade combativa, que atenda as demandas da categoria contra os ataques às liberdades e aos direitos historicamente conquistados.

Na eleição para a Comissão Estadual de Ética, cada eleitor poderá escolher até cinco candidatos e candidatas ao votar.

Últimas notícias