sexta-feira, 16 de novembro de 2018

Audiência pública debate sobre processos Judiciais na Saúde Publica

A Comissão de Seguridade Social e Saúde da Assembleia Legislativa realiza, na segunda-feira (19/11), a partir das 8h30, audiência pública para tratar sobre a judicialização na saúde pública e privada. O debate será no Complexo das Comissões Técnicas da Casa, atendendo requerimento da deputada Fernanda Pessoa (PSDB).
Para a parlamentar, é mais rentável para o Governo Federal implantar uma gestão eficiente que evite a falta de medicamentos no Sistema Único de Saúde (SUS), e incluir novos tratamentos do que lidar com processos judiciais. “Os gastos do Governo para cumprir determinações judiciais estão batendo recorde. Em 2016, estima-se que o Governo Federal tenha gasto com medicamentos o montante de R$ 1,6 bilhões com pacientes que buscam a Justiça”, assinala.
Fernanda Pessoa observa  que  existe também  o problema do desgaste dos pacientes que lutam com enfermidades e ainda precisam buscar a Justiça para garantir tratamento e remédios. “Alguns pacientes acabam morrendo a espera de decisões da Justiça. É desgastante”, assinalou.
A deputada ressaltou que o Ministério da Saúde já admitiu que novos tratamentos podem ter a princípio um maior custo porém, a longo prazo o paciente poderia ficar menos tempo doente e internado em hospitais o que seria bom para os cidadãos e para o sistema de saúde que economizaria.