Banner_head Governo do Estado

Banner_head camara fortaleza

terça-feira, 3 de maio de 2022

Após crimes no Cariri, motoristas e mototaxistas se unem e lançam novo serviço por aplicativo


Novidade na região, o App de transporte Padim é o primeiro com multicategorias, além de ser voltado para pessoas que tem carro ou moto e que queiram ofertar os serviços de transporte e entregas à população, bem como para atender as entregas das empresas. O idealizador é o José Gomes Neto, que tem esse projeto, tipo startup social, apoiado pela Universidade Patativa do Assaré (UPA).

O nome é uma homenagem ao fundador de Juazeiro do Norte, Padre Cícero, chamado carinhosamente pelos devotos de Padim.

O lançamento acontece nesta terça na sede da Associação dos Motoristas de Aplicativo, e contará ainda com a presença de autoridades da área de segurança.

Para se cadastrar para trabalhar como motorista ou mototaxista do Padim, vale a legislação vigente

O Padim pode ser usado pela população do Crajubar (Crato, Juazeiro e Barbalha), inicialmente, que precisa do serviço de transporte, onde é feita a conexão entre o usuário e o profissional. Outra vantagem é que motoristas e mototaxistas do App Padim associados a AMMA - Associação dos Motoristas e Motoqueiros por Aplicativo, poderão abastecer com combustível mais barato graças à parceria com a primeira associação do Brasil com ponto próprio de abastecimento: AMMA. 

Além desta parceria pioneira no Brasil com ponto de abastecimento exclusivo, que oferta combustível a preço de custo aos associados e descontos em diversos parceiros. Quando inaugurado, o Padim terá o menor repasse do mercado, deixando até 90% do valor da corrida com o profissional, o que em outras plataformas são cobrados até 60% do valor.


 


A motivação para criar o novo serviço de transporte e entregas surgiu após os crimes ocorridos no mês de abril com os motoristas, de um App de transporte mundial, encontrados sem vida na cidade de Barbalha. Além disso, tem como propósito despertar mais união para a categoria e melhores condições de trabalho.


 


Sendo assim, para o passageiro solicitar uma corrida, ele precisará passar pela triagem de segurança, que usa a base da Receita Federal para averiguar se o CPF é válido e se o nome que consta é o oficial, além da foto obrigatória. “Com isso, junto as autoridades de segurança pública, ajudaremos os prestadores de serviços com dicas de segurança, bem como deixaremos a plataforma a disposição para um rastreamento mais ágil”, destacou José.


 


A previsão dos organizadores é liberar na sexta, 6 de maio, o download para iOS e Android, gratuitamente pela playstore.


Últimas notícias