Banner_head governo do estado

Banner_head camara fortaleza

terça-feira, 12 de julho de 2022

Aliança PDT-PT tem sido "insultada" e "agredida", diz Ciro Gomes


Em breve entrevista após reunião das bancadas estadual e federal do PDT, nesta segunda-feira, 11, o ex-ministro Ciro Gomes admitiu que aliança passa por momento delicado. A missão que se impõe, segundo ele, é de restaurar a aliança política que tem sido agredida.

Diálogo com Camilo é permanente, diz presidente do PDT

"Eu fiquei feliz, foi uma reunião muito franca, uma reunião de companheiros, me pareceu consenso que o que está em jogo é o destino do Ceará, não só o destino do PDT, nem só o destino dos pré-candidatos, todos eles muito qualificados, e que nós precisamos achar um caminho para restaurar a unidade que, infelizmente, tem sido muito insultada e muito agredida por erros de parte a parte", afirmou o pré-candidato a presidente pelo PDT.

Ele também disse que lhe toca a missão de fazer tudo o que estiver a seu alcance para que se atinja uma situação de unidade, de modo a substituir o irmão Cid Gomes enquanto articulador político estadual. Sem detalhar os motivos, André Figueiredo, presidente do PDT no Ceará, disse que Cid pediu para que o irmão o representasse na condução do processo.

É da tradição do modo como Ciro e Cid operam na política que o primeiro esteja debruçado sobre as questões nacionais e o segundo, sobre as locais.

Últimas notícias