Banner_head Governo do Estado

Banner_head camara fortaleza

sexta-feira, 12 de março de 2021

Ceará terá Isolamento Social Rígido em todos os municípios cearenses a partir de sábado (13)


Através de transmissão ao vivo em suas redes sociais, o governador Camilo Santana anunciou a decisão de Comitê por estabelecer decreto estadual de Isolamento Social Rígido válido para todo o Ceará, a partir de sábado (13) até o outro domingo, dia 21. A medida, que permite apenas o funcionamento de atividades essenciais, assim como o prazo, também vale para Fortaleza, onde já vigora o Isolamento Social Rígido desde o último dia 5. Todos os detalhes serão divulgados no Diário Oficial do Estado nesta sexta-feira (12).

“Todo o esforço necessário que o Estado tiver de fazer para garantir a vida das pessoas, nós vamos fazer. Para garantir isso, não tem outra alternativa senão frear essa contaminação do vírus, e a única forma que nós temos hoje é a de praticar o isolamento social rígido. Então, pelo decreto, a partir de sábado (13) só funcionam no Ceará a construção civil, a indústria, e o comércio de atividades essenciais, além das unidades de saúde, conforme estão autorizados aqui na Capital cearense, com validade até o próximo dia 21 de março”, explicou o governador, que ponderou também que, mesmo com alguma redução nessa primeira semana de isolamento em Fortaleza, ainda se atingiu o nível necessário para diminuir a pressão sobre o sistema de saúde.

Camilo justificou que a decisão do Comitê, de estender o Isolamento Social Rígido a todo o Estado, se deu pelo fato de mais de 130 municípios cearenses estarem em alerta alto ou altíssimo do risco de contaminação pela Covid-19. “As cidades são classificadas por risco: baixo risco, médio risco, alerta alto e alerta altíssimo. E em apenas uma semana, praticamente dobramos o número de municípios que chegaram ao alerta altíssimo, de 78 para pouco mais de 130, que é quando a situação chegou ao limite em relação à incidência de casos em cada cidade. Então, nesse instante, todo o Ceará está com municípios entre o alerta alto ou altíssimo”.

Mais leitos todo dia

O governador listou que o Ceará hoje tem leitos de UTI espalhados por todas as Regiões do Estado, e que, em tempo recorde, conseguiu abrir cerca de 3.600 leitos exclusivos para atender pacientes com Covid-19, sendo 1.082 somente de UTI. “Para atender a todos, estamos abrindo novos leitos praticamente todos os dias. Até o fim de março a gente tinha uma meta de ter 1.074 leitos de UTI exclusivos Covid-19, e hoje nós já ultrapassamos essa meta, com 1.082 leitos de UTI no Ceará. A ampliação de leitos ocorre em todas as Regiões do Ceará, e estão espalhados em hospitais regionais do Estado, ou em hospitais parceiros e/ou filantrópicos, além das UPAS, novas unidades e hospitais de campanha anexos nas unidades de saúde”, ressaltou Camilo.

Dia de reuniões

Além da reunião com o Comitê que delibera sobre os decretos estaduais no Ceará durante a pandemia, Camilo informou que também participou de uma audiência pública no Senado Federal e, na ocasião, levantou a importância da compra da vacina de forma diplomática entre os países. Cobrou também sobre a habilitação de leitos no Ceará pelo Governo Federal, e sobre uma pactuação nacional entre os Estados por conta da pandemia.

Em seguida, se reuniu com os governadores do Nordeste, para, na sequência, o mesmo consórcio Nordeste abrir uma conferência virtual com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. “Cerca de 10% das mortes do Mundo estão sendo no Brasil devido à pandemia. Ontem tivemos um recorde negativo, e hoje passamos de mais de 2 mil mortos. O mundo está colapsando, e fomos muito diretos com o ministro, que precisamos de mais vacinas, e em breve receberemos mais doses para continuar a nossa imunização”, detalhou Camilo.

Últimas notícias