Banner_head Governo do Estado

Banner_head Câmara

quarta-feira, 31 de março de 2021

Brejo Santo adota isolamento mais rígido depois de 34 mortes por Covid-19 em março


O municíopio de Brejo Santo, no Cariri, já registrou 34 mortes pela Covid-19 neste mês de março.  Para barrar o avanço do contágio e do número de mortes por Covid-19, a prefeita Gislaine Landim (PDT) passou a seguir medidas de isolamento social mais rígidas a partir desta quinta-feira, 1º de abril. O decreto municipal tem vigência até o próximo domingo, 4. O documento limita o funcionamento de parte das atividades essenciais, a exemplo dos supermercados e distribuidoras de gás, que só poderão atender por delivery.

Poderão permanecer abertos hospitais, clínicas veterinárias, postos de combustíveis e farmácias, desde que comercializem apenas medicamentos. Ficam também suspensos os serviços bancários e de transporte coletivo.

Em pronunciamento nas redes sociais, a prefeita Gislaine Landim (PDT) destacou que as medidas são necessárias para conter o avanço da pandemia e reduzir a pressão sobre a rede de atendimento hospitalar. "Os casos e mortes têm aumentado assustadoramente. A gente tem uma estrutura de saúde que vem se desdobrando no atendimento de pacientes Covid. São 30 leitos de enfermaria e 10 leitos de UTI, mas temos nos últimos meses rodado, todos os dias, com mais de 50 pacientes", afirma.


Para a prefeita, o cenário é resultado do desrespeito de parte da população às medidas de prevenção ao contágio. "Temos colocado a vigilância sanitária diuturnamente em toda a nossa Cidade, orientando. A nossa Guarda Municipal juntamente com o Demutram, orientando os transportes intermunicipais. Mas, infelizmente, a gente tem visto uma desobediência por parte de algumas pessoas." (Com informações de Luciano Cesário/O Povo)


Últimas notícias