Banner_head Governo do Estado

Banner_head camara fortaleza

terça-feira, 15 de fevereiro de 2022

Morre Arnaldo Jabor aos 81 anos após sofrer um AVC em dezembro


Morre Arnaldo Jabor aos 81 anos após sofrer um AVC em dezembro. A informação é do jornal Folha de São Paulo. O jornalista e cineasta estava internado desde o dia 17 de dezembro no Hospital Sírio-Libanês. Diretor do filme "Toda Nudez Será Castigada", Jabor integrou a geração do Cinema Novo, que revolucionou o audiovisual nacional. 

Desde 1990, o jornalista se destacou nacionalmente com os comentários em jornais da TV Globo sobre assuntos diversos como política, cultura e economia. 

Adaptação da peça de Nelson Rodrigues, "Toda Nudez Será Castigada" se tornou um sucesso de público ao levantar temas polêmicos nas telas. Outro sucesso de bilheteria foi o longa-metragem "Eu Te Amo", protagonizado por Sônia Braga. O carioca dirigiu também "Eu sei que vou te amar" (1986), indicado à Palma de Ouro de melhor filme do Festival de Cannes. 

Em 2010, dirigiu "A Suprema Felicidade", longa memorialístico que retrata a Rio de Janeiro vivido por ele na infância.

Ao longo da carreira, publicou também coletâneas como "Os Canibais Estão na Sala de Jantar", de 1993, e "O Malabarista - Os Melhores Textos de Arnaldo Jabor", de 2014.

Últimas notícias