terça-feira, 2 de outubro de 2018

Camilo 13 reforça compromisso com a primeira infância e destaca ações realizadas nos últimos anos


Nesta terça-feira (2), Camilo Santana 13 recebeu no Comitê Central da coligação "Por um Ceará cada vez mais forte", em Fortaleza, representantes da Rede Nacional Primeira Infância (RNPI) e da Rede Estadual Primeira Infância (Repi-CE). Na oportunidade, o governador reforçou seu compromisso em continuar investindo em políticas públicas voltadas para as crianças de zero a seis anos. Acompanhado da vice-governadora Izolda Cela e da primeira-dama Onélia Santana, Camilo recebeu uma carta elaborada pelas entidades.

"Quero agradecer a presença de todos e dizer que, mesmo em um momento difícil que o Brasil passou, a gente priorizou a infância por entender que é um período muito importante para a formação do ser humano. Nosso compromisso, por exemplo, é ampliar o programa das creches. Quero construir 100 novas unidades, sendo 30 delas só em Fortaleza. Vamos aumentar o acompanhamento das famílias por meio do Padin (Programa de Apoio ao Desenvolvimento Infantil). Criamos o Cartão Mais Infância para estimular a transferência de renda às famílias de baixa renda para que as crianças possam se alimentar e ter mais oportunidades. Estamos trabalhando para desenvolver um banco de dados que iremos acompanhar essas crianças que nascem no Ceará. O desafio é grande e nós precisamos garantir que toda criança tenha os mesmo direitos”, destacou Camilo Santana 13.

Em sua primeira gestão, o governador desenvolveu diversas ações estruturais e de convivência para o setor. Camilo 13 foi responsável pela construção de 35 brinquedocreches e cinco Praças Mais Infância – outras 26 estão em execução. As famílias cearenses também receberam durante a gestão 55 Centros de Educação Infantil e, em breve, passarão a contar com mais 110. Camilo Santana já inaugurou 46 brinquedopraças e mais 13 serão inauguradas, tendo ainda 25 em execução e 18 aguardando contratação de fornecedores.

Outros projetos também foram colocados em prática, como os 19 Núcleos de Estimulação Precoce, o Praia Acessível (Fortaleza e Caucaia), com mais de quatro mil pessoas atendidas, o Espaço Mais Infância, com 120.717 crianças atendidas e 20.989 pais e visitantes, totalizando 141.706 pessoas, além do Arte na Praça realizado em 88 municípios, com 130 edições.