Banner_head Governo do Estado

Banner_head camara fortaleza

sábado, 5 de março de 2022

Com Projeto Malha D’água, Governo do Ceará investe R$ 643 milhões para solucionar o abastecimento hídrico do Interior cearense


Água tratada e perto das comunidades representa qualidade de vida e prosperidade para os cearenses. Para garantir efetivamente o abastecimento hídrico do Interior do estado, o governador Camilo Santana assinou, na manhã desta sexta-feira (4), a ordem de serviço que autorizou o início do Projeto Malha D’água, estratégia pioneira para o abastecimento de água dos núcleos urbanos do Ceará.

“O Ceará parte na frente, dando uma demonstração que é possível solucionar o problema, claro, com investimento, e um planejamento a médio e longo prazo, para que a gente possa resolver definitivamente o problema de abastecimento de água em todos os estados no Nordeste brasileiro”, declarou o governador Camilo Santana, afirmando que cerca de 300 mil cearenses serão beneficiados com o desenvolvimento do projeto.

A solenidade, que foi realizada no Palácio da Abolição, em Fortaleza, e teve transmissão vivo pelas redes sociais, também contou com a presença da vice-governadora Izolda Cela; do secretário dos Recursos Hídricos do Ceará, Francisco Teixeira; do presidente da Assembleia Legislativa, Evandro Leitão; e de outras autoridades, entre prefeitos das cidades beneficiadas e deputados estaduais e federais.

Com o Malha D’água, o Estado vai adensar a rede de adutoras, considerando todos os centros urbanos cearenses, com captação realizada diretamente nos mananciais com maior garantia hídrica. A primeira fase do projeto contempla a construção do sistema Adutor Banabuiú – Sertão Central com quase 700 km de extensão (291,61 km de adutora principal e 396,48km de ramais adutores), para fornecer água tratada para nove sedes municipais e 38 sedes distritais. O investimento é de R$ 643,3 milhões, com recursos do Governo do Ceará, obtidos por meio de contrato do Banco Mundial.


Últimas notícias