Banner_head Governo do Estado

Banner_head camara fortaleza

sexta-feira, 21 de janeiro de 2022

Comitê técnico de enfrentamento à Covid-19 anuncia medidas mais restritivas para combater aumento de casos em Barbalha


 O Comitê Técnico-Científico de enfrentamento à Covid-19 se reuniu na tarde desta quinta-feira, 20, junto ao Prefeito Guilherme Saraiva para definir as novas diretrizes no combate à pandemia no município de Barbalha.

Diante do aumento significativo do número de casos positivos para Covid-19, o Comitê decidiu, por unanimidade, seguir o que recomenda o Decreto Estadual, adiando por 15 dias o retorno às aulas presenciais, previsto para o dia 31 de janeiro.

A partir de segunda-feira, dia 24 de janeiro, a população será orientada a procurar os serviços públicos somente em casos de extrema urgência. De acordo com o Comitê, mais medidas devem ser tomadas, posteriormente, com o objetivo de conter a evolução dos casos confirmados do vírus.

As restrições impostas para a próxima semana devem atingir somente os serviços públicos oferecidos pela Prefeitura e Secretarias Municipais. Os setores do comércio, indústria e serviços permanecem sem alteração. As determinações devem ser publicadas em decreto municipal.


Aumentos dos Casos


De acordo com dados da Secretaria de Saúde, Barbalha registrou em todo mês de dezembro de 2021 apenas 14 casos confirmados de Covid-19, de um total de 242 testes realizados. Já neste mês de janeiro, até o dia 19, foram realizados 1.343 testes, dos quais 302 deram resultados positivos.


A Secretaria de Saúde está analisando estatisticamente e epidemiologicamente os casos no Município. “Percebemos que a pandemia está voltando a crescer e, por isso, estamos tomando medidas restritivas a partir de segunda-feira, 24”, destacou a titular da pasta, Sheyla Martins.


Ampliação do atendimento médico

O Prefeito Guilherme Saraiva solicitou à Secretaria de Saúde a implantação do atendimento médico também nos finais de semana no Centro de Especialidades e Diagnósticos – CED, já a partir do dia 29 de janeiro.

O CED, que já realiza o atendimento das 7h30 às 21h, de segunda a sexta-feira, passará a atender também aos sábados e domingos. A medida tem o objetivo de oferecer atendimento de urgência para a população em casos em que o paciente apresente sintomas gripais.

O Prefeito reforçou a orientação da Secretaria de Saúde para que a população procure o atendimento médico durante a semana prioritariamente nas Unidades Básicas de Saúde para que locais de atendimento, como os hospitais da cidade, por exemplo, não passem por superlotação, pois a aglomeração contribui para a transmissão do coronavírus. “O paciente pode não estar contaminado, mas indo ao hospital pode se infectar com a Covid-19”, disse.


Passaporte Sanitário

Outra medida debatida durante a reunião do Comitê Técnico foi a necessidade de intensificar a cobrança do uso do passaporte sanitário ou a comprovação do esquema vacinal. A população que buscar acesso ao serviço público, só poderá entrar nas repartições com a apresentação do passaporte sanitário.

O Comitê deverá se reunir novamente daqui a 14 dias para avaliar a situação da pandemia em Barbalha e a necessidade da adoção de novas medidas de combate à Covid-19.


Últimas notícias