Banner_head camara fortaleza

Banner_head Governo do Estado

domingo, 30 de janeiro de 2022

Consulta a dinheiro "esquecido" em bancos retorna no dia 14 de fevereiro; sistema saiu do ar após não suportar a quantidade de acessos


O sistema que autoriza a consulta de valores devidos por bancos a pessoas e empresas continuará suspenso e voltará a funcionar apenas no dia 14 de fevereiro, anunciou o Banco Central, em nota divulgada para a imprensa. A ferramenta chegou a entrar em funcionamento na segunda-feira (24), mas, dado o alto número de acessos, o sistema não aguentou e precisou ser retirado do ar um dia depois pelo Banco Central.

"O BC informa que, a partir de 14/02/2022 , o cidadão poderá consultar se tem algum valor a receber. Em caso positivo, será imediatamente informado sobre a data em que poderá solicitar a transferência dos recursos para sua conta. Essas solicitações de transferências poderão ser agendadas a partir de 07/03/2022 , na data informada pelo sistema", diz o BC.

O Banco Central disse que os cidadãos que terão direito a receber os recursos não devem se preocupar com o atraso na plataforma. "Não há risco de prescrição ou perda desses recursos, que permanecerão guardados pelas instituições financeiras à espera de seus proprietários", comunicou o Banco Central. Ainda na nota, o BC fez um alerta para o cuidado com os golpes, esclarecendo que os valores poderão ser consultados a partir de 14 de fevereiro.

Como funciona o serviço

O sistema permite que pessoas e empresas verifiquem se têm valores a receber de instituições financeiras caso tenham sido clientes no passado. Esses valores são, por exemplo, depósitos não retirados após o término de contas. Quando o serviço estava no ar, ele poderia ser acessado a partir da aba "Valores a Receber" na plataforma Registrato, do Banco Central. (BolaVip)

Últimas notícias