terça-feira, 22 de maio de 2018

PSDB lança general Theophilo como pré-candidato ao Governo do Ceará


O PSDB lançou, ontem (segunda-feira, 21), o nome do general Guilherme Theophilo como pré-candidato a governador do Ceará. O militar aposentado vai concorrer pela primeira vez a um cargo público por meio de um processo eleitoral. No evento partidário, o Pros, do deputado estadual Capitão Wagner, oficializou apoio à pré-candidatura.
Durante pronunciamento, o senador Tasso Jereissati (PSDB) criticou os "conchavos" políticos no período pré-eleição. As críticas giraram em torno do MDB, de Eunício Oliveira, e parte da oposição que não aderiu ao nome do general e que se aproximou do Palácio da Abolição.
Somando-se ao desembarque do Solidariedade do grupo da oposição, o PSD, de Domingos Filho, também não apareceu no evento para demonstrar apoio à chapa opositora. Ao O POVO, o ex-vice-goverandor afirmou que a legenda foi procurada pelo ex-governador Cid Gomes (PDT) e que a tendência, agora, é de apoio da sigla à reeleição do governador Camilo Santana (PT).
A oposição, liderada pelo PSDB e Pros, levará o general Theophilo para o interior com objetivo de popularizar o nome ainda desconhecido do grande eleitorado. Em discurso, o pré-candidato voltou a dizer que "falta autoridade no Ceará" e que é um nome preparado para "transformar" o Estado.
O PSDB ainda vai discutir os nomes que devem ser lançados para a disputa das duas vagas para o Senado. Ao O POVO, o deputado Capitão Wagner (Pros) negou que seu nome esteja sendo articulado para o Senado. A pré-candidatura é para a Câmara dos Deputados.
Agenda
No próximo final de semana, o pré-candidato realiza o primeiro evento político no interior para se fortalecer para a campanha. O general vai passar pelos municípios do Crato, Juazeiro e Barbalha para reuniões políticas e evento público.
(Wagner Mendes -  O Povo)