bnb

quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Vereador propõe criação do laboratório contra a corrupção

Vereador Odécio Carneiro

O vereador Odécio Carneiro (Solidariedade) enviou ao Departamento Legislativo da Câmara Municipal de Fortaleza um projeto de resolução que cria o Laboratório de Combate à Corrupção (LCC), no âmbito da casa legislativa. Na justificativa, o parlamentar afirma que a corrupção é um dos maiores problemas a ser enfrentado pelo povo brasileiro, pois está disseminada no Executivo, Legislativo e Judiciário, em todos os níveis.
“Estima-se que cerca de 200 bilhões de reais sejam desviados atualmente, no Brasil. As afrontas contra a administração pública devem ser severamente combatidas. O crime de corrupção tende a causar efeitos diretos sobre um número indeterminada de pessoas, prejudicando aqueles que mais precisam do Estado, principalmente nas áreas da saúde, educação e segurança”, alerta.
O Laboratório de Combate à Corrupção é uma propositura inovadora e enseja a que a CMFort corrobore no seu dever constitucional de combate à corrupção e fomento à moralidade administrativa, de acordo com o artigo 37 da Constituição Federal. Em parceria com órgãos públicos, O LCC atuará no fomento ao estudo e ao próprio combate à corrupção.
O projeto prevê, também, a exposição dos trabalhos realizados pelo Laboratório no Grande Expediente da CMFort, na semana alusiva ao Dia Municipal de Combate à Corrupção.
EXEMPLO NA CÃMARA
O Vereador Odécio Carneiro está chamando a atenção em seu primeiro ano de gestão pela firmeza na condução do dinheiro público. Nos oito primeiros meses deste ano, fez uma economia de R$ R$ 368.690,. Todo este montante permanece nos cofres da CMFort. A economia veio da Sistema de Desempenho Parlamentar (R$ 161.600,) e outros R$ 207.090, com despesa de pessoal.