sexta-feira, 9 de novembro de 2018

Eunício nega que Senado vote “pautas-bomba” para afetar o próximo governo



O presidente do Senado, Eunício Oliveira, negou que o reajuste dos subsídios dos ministros do Supremo Tribunal Federal e da procuradora-geral da República tenha o objetivo de afetar o próximo governo. Ele disse estar aberto a discutir com o presidente eleito, Jair Bolsonaro, as pautas e o Orçamento do próximo ano.

Segundo ele o Ministério Publico vai adequar o teto para pagar os funcionários, ressaltando que não houve acréscimos de despesas no caso, ainda frisou que o senado esta em pleno funcionamento sendo natural discutir matérias, pautas e o orçamento para o próximo ano.