domingo, 28 de outubro de 2018

TRE registra seis ocorrências por crime eleitoral no Ceará; duas pessoas foram presas

Seis ocorrências foram registradas pelo Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) neste domingo, 28. No Iguatu, uma pessoa foi presa. Em Horizonte, a prisão de eleitor foi por tentativa de fotografar a urna.
 
Em Fortaleza, três denúncias foram feitas por compra de voto e distribuição de material eleitoral. Além disso, outro eleitor em Acaraú foi denunciado por tentar tirar foto da urna.
 
A Polícia Federal registrou duas ocorrências em flagrante. A primeira, em Pacajus, deu-se por propaganda irregular. O suspeito foi conduzido à delegacia da cidade. Em Sobral, um eleitor foi preso tentando fotografar a urna. 
 
A Polícia Federal também realizou prisões por crimes eleitorais nos estados do Amapá, Goiás, Paraíba e São Paulo. Informações são do G1.
 
Em Oiapoque (AP), duas pessoas foram detidas em flagrante por desobediência e lesão corporal. Em Macapá, quantida de R$ 2 mil, que seria utilizada para compra de votos, foi apreendida. 
 
Em Anápolis, de Goiás, uma pessoa foi detida em flagrante após utilizar aparelho celular na urna eletrônica, enquanto votava. Houve ainda uma prisão em Aspásia, no interior de São Paulo, e outra na Paraíba. De acordo com o G1, A PF ainda não deu os esclarecimentos sobre esses casos.
 
(O Povo)