segunda-feira, 8 de outubro de 2018

Dez deputados federais e sete estaduais não conseguiram se reeleger

Depois de brigar com seu criador, capitão Wagner, o deputado Cabo Sabino não foi reeleito

Dez deputados federais pelo Ceará candidatos à reeleição não conseguiram renovar mandato para a legislatura 2019-2022. Entre os 19 parlamentares que tentaram reeleição, apenas nove foram vitoriosos no Estado.

Perderam a reeleição Cabo Sabino (Avante), Dr. Aníbal (DEM), Chico Lopes (PCdoB), Balman (PDT), Adail Carneiro (Podemos), Gorete Pereira (PR), Ronaldo Martins (PRB), Odorico Monteiro (PSB), Danilo Forte (PSDB) e Raimundo Matos (PSDB).

Conseguiram renovar mandato Moses Rodrigues (MDB), André Figueiredo (PDT), Leonidas Cristino (PDT), Vaidon Oliveira (Pros), Domingos Neto (PSD), José Airton (PT), Guimarães (PT), Luizianne (PT) e Genecias Noronha (SD). Luizianne Lins (PT) foi a deputada reeleita com a maior votação, com mais de 170,5 mil votos, seguida de perto por José Guimarães (PT), com mais de 169 mil votos.

Na Assembleia, disputaram e perderam reeleição apenas sete deputados: Bethrose (PP), Dedé Teixeia (PT), Ely Aguiar (DC), Ferreira Aragão (PDT), Lucílvio Girão (PP), Duquinha (PDT), Mário Hélio (Patriota).