segunda-feira, 22 de outubro de 2018

Crediamigo amplia limite para investimento até R$ 15 mil

O programa de microcrédito do Banco do Nordeste, Crediamigo, aumentou para R$ 15 mil o limite de empréstimos voltados a investimentos, como compra de máquinas e equipamentos, construções e reformas. Até então, os clientes podiam obter até R$ 8 mil para essa finalidade.

De acordo com o superintendente de Microfinança e Agricultura Familiar do BNB, Alex Araújo, a ampliação visa dar maior poder de compra aos microempreendedores, de forma que possam realizar mais investimentos, em virtude da proximidade das vendas de final de ano.

Em função do período de aquecimento da economia no último quadrimestre de 2018, o Crediamigo simplificou ainda seus produtos voltados para capital de giro solidário e estendeu também o limite para até R$ 15 mil, que antes podia alcançar até R$ 2 mil. Os recursos para essa modalidade de crédito são usados, essencialmente, para a compra de mercadorias e insumos de produção, bem como formação e renovação de estoques.

O microcrédito atende pessoas que trabalham por conta própria, individualmente ou reunidos em grupos solidários, que atuam nos setores informal ou formal da economia, no comércio, serviços e indústria. O Crediamigo é o maior programa de microcrédito orientado da América do Sul e o terceiro maior do mundo. Oferta crédito com prazo de pagamento de até 24 meses, incluindo linhas com até seis meses de carência. O crédito é concedido de forma desburocratizada, já que a modalidade não exige comprovação de renda.

Associado ao crédito, o Crediamigo oferece aos empreendedores acompanhamento e orientação para melhor aplicação do recurso. Além de capital de giro, o programa disponibiliza recursos para investimentos em móveis, utensílios, máquinas e equipamentos, reformas de instalações físicas e seguros de vida. As linhas e as condições para contratação estão detalhadas em www.bnb.gov.br/crediamigo/produtos.

O Banco do Nordeste já superou R$ 6,4 bilhões em aplicações do microcrédito urbano em 2018. O valor está distribuído em mais de 3 milhões de operações e é 11,9% maior do que no mesmo período do ano passado. Atualmente, o Crediamigo atende mais de 2 milhões de clientes nos nove Estados nordestinos, norte de Minas Gerais e do Espírito Santo.