sexta-feira, 28 de setembro de 2018

TRE e ENEL discutem esquema especial para as Eleições 2018


A presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará, desembargadora Nailde Pinheiro Nogueira, e o vice-presidente e corregedor, desembargador Haroldo Correia de Oliveira Máximo, reuniram-se nesta quinta-feira, 27/9, na sede do TRE, com representantes da concessionária de energia elétrica do Estado do Ceará, Enel, para tratar do fornecimento de energia e atendimento às ocorrências, em caso de interrupção do serviço, na véspera e no dia da eleição, 6 e 7/10, em todo o Estado.

Estiveram presentes, também, o diretor-geral do tribunal, Hugo Pereira Filho; os secretários de Tecnologia da Informação, Carlos Sampaio, e de Administração, Sérgio Coelho; o assessor jurídico do TRE, Caio Guimarães; o coordenador de serviços gerais, Márcio Jucá Jereissati. Pela Enel, participaram Osvaldo Férrer e Eduardo Gomes (Centro de Controle de Operações).

A desembargadora Nailde Pinheiro destacou "a parceria entre o TRE e a empresa, que sempre atende com rapidez nossos chamados". Pediu para que fossem redobrados os cuidados com o monitoramento e fornecimento de energia elétrica nos locais de votação e na sede do TRE.

Os representantes da ENEL garantiram que os desligamentos programados para obras serão suspensos no período de 4 a 7/10, atuando apenas em casos de urgência. A companhia entregou ao TRE um Plano Operacional e se colocou à disposição, em regime de plantão, para atuar com eficiência nos chamados da Justiça Eleitoral.