sexta-feira, 21 de setembro de 2018

Patrícia Pillar desmente ter sido agredida por Ciro e declara voto no ex-marido

A atriz e diretora Patrícia Pillar, ex-esposa do presidenciável Ciro Gomes (PDT), compartilhou dois vídeos nas redes sociais em que desmente boatos de que foi vítima de agressão pelo ex-companheiro e declara voto no candidato do PDT.

A atitude aconteceu após circular nas redes sociais boatos de que Ciro teria agredido Patrícia durante o relacionamento. Um meme que traz a foto da atriz com a frase: “Gente, eu nunca fui casada com o Bolsonaro, quem me batia era o Ciro Gomes”, é falso.

Pillar ainda deu uma alfinetada no adversário do pedetista, Jair Bolsonaro (PSL), cuja militância tem travado embates com apoiadores de Ciro.

“Estou aqui para dizer que estão usando a minha imagem para divulgar notícias falsas, favorecendo um candidato que jamais seria o meu. Eu nunca sofri nenhum tipo de violência por parte de ninguém. Isso é totalmente falso”, esclareceu a atriz no vídeo.

Patrícia foi casada com Ciro por 12 anos e se separou do candidato à presidência em 2011. Junto ao vídeo, Patrícia pediu paz e respeito.

“Eu nunca sofri nenhum tipo de violência por parte de ninguém . Isso é totalmente falso. Quero dizer também que independente de quem é o seu candidato o que a gente precisa agora é de paz e de respeito”, pontuou.