domingo, 2 de setembro de 2018

José Guimarães quer substituição imediata de Lula


Ainda que defenda a manutenção da candidatura de Lula apesar de decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), internamente o PT já trabalha com a mudança na cabeça da chapa. Na última sexta-feira, o TSE indeferiu o pedido do registro do ex-presidente com base na Lei da Ficha Limpa.
Uma ala do partido entende que a substituição de Lula pelo vice Fernando Haddad (PT) deve ser feita de imediato, já a partir de amanhã, quando o ex-prefeito, também advogado de Lula, encontra o petista, preso em Curitiba desde 7 de abril passado.

Deputado federal pelo Ceará e candidato a novo mandato, José Guimarães afirma que é hora de “colocar a candidatura de Haddad na rua”.

“Segunda-feira o Haddad vai se reunir com Lula para definir. Na terça já vai ter desdobramento”, disse o parlamentar. “Mas quem deve decidir o que fazer é o próprio Lula. Claro que vamos recorrer ao Supremo (contra decisão do TSE), mas não podemos ficar parados, a campanha é curta.”

O diretório nacional do PT se reúne também na segunda. Na pauta, duas teses devem se confrontar: uma que defende que Haddad assuma a candidatura logo e faça campanha no horário eleitoral.
Outra que sugere mudar a chapa no limite do prazo concedido pelo TSE para a alteração, que foi de dez dias.

Para Guimarães, o “PT tem que ir pra cima. O Lula já está vitorioso. Ele só precisa agora eleger o presidente”.

(O Povo)