sábado, 15 de setembro de 2018

Após publicação de pesquisa falsa, justiça determina remoção de conteúdo dos perfis de Girão


Na noite desta sexta-feira (15), a Juíza Daniela Lima da Rocha, concedeu liminar à coligação A Força do Povo, determinando que o candidato ao Senado, Eduardo Girão, remova post em seus perfis nas redes sociais que exibiam dados de uma pesquisa de interesse de busca no Google como sendo pesquisa eleitoral. O post foi considerado como uma tentativa de confundir o eleitor.

A liminar concedida determinou que o candidato se abstenha de veicular novamente a referida pesquisa, sob pena de multa de R$ 30 mil.

Na publicação feita nessa sexta, as informações eram apresentadas aos seguidores através de uma imagem com gráficos, sem a identificação necessária de que se tratava de uma pesquisa de busca no Google, colocando o candidato em segundo lugar na preferência do eleitor cearense.

Nas últimas pesquisas de intenção de voto para o Senado, no Ceará, e registradas junto ao TSE, Cid Gomes e Eunício Oliveira lideram a disputa com ampla vantagem. Em uma delas, Eunicio registra quatro vezes mais votos que o terceiro colocado.