quarta-feira, 8 de agosto de 2018

Prefeito Arnon Bezerra assina ordem de serviço para revitalização do Parque das Timbaúbas


O Prefeito Arnon Bezerra assinou nesta terça-feira, 07, a ordem de serviço para reforma e urbanização do Parque Natural Municipal das Timbaúbas. Como principal área verde de Juazeiro do Norte, o parque terá os seus 70 hectares restaurados e custará R$ 2,8 milhões com investimentos dos governos federal e estadual. A obra deve iniciar na próxima semana. 
O projeto é da Secretária de Infraestrutura e arquiteta Gizele Menezes e prevê instalação de pórtico de entrada com guarita, criação de um calçadão, pista de cooper e pista de passeio para a população que frequenta o local, dois playgrounds, duas academias, banheiros públicos, recuperação e instalação de iluminação no local. Haverá a recuperação da praça já existente e da edificação, onde atualmente funciona a Secretaria de Meio Ambiente e Serviços Públicos (Semasp).
Presente no evento, o Secretário de Meio Ambiente do Estado, Artur Bruno, elogiou o trabalho da gestão municipal afirmando que em tão pouco tempo, muito se realizou. “A reforma do parque é um passo importante, isso é cuidar da cidade. Em um ano e meio percebo mudanças significativas. O Prefeito vem conversando com a gente constantemente sobre o parque e finalmente daremos início a essa obra grandiosa que trará benefícios a toda população”, disse.
O equipamento ecológico é a primeira unidade de conservação do Município, enquadrada como uma Área de Proteção Integral, prevista na Lei Federal n.º 9.985/2000. Segundo Arnon Bezerra, é preciso assegurar que a população usufrua de forma consciente. “O Parque é um equipamento importantíssimo que Juazeiro do Norte dispõe. Patrimônio rico e que há tempos precisava dessa reforma. A nossa cidade está se desenvolvendo, ficando mais limpa e linda. Nesse aspecto, agradecemos a parceria com o Governo do Estado que é importantíssima para o crescimento da cidade”, afirmou o Prefeito.
O Secretário de Meio Ambiente e Serviços Públicos, Luís Ivan Bezerra, defende que o Parque se torne um espaço de preservação permanente, primando pela sua conservação e desenvolvimento sustentável. “É muito importante essa reforma para trazer mais qualidade de vida para a população. É o pulmão da nossa cidade, somos privilegiados por isso, então é hora de preservar, de incentivar o uso desses espaços. Pelo projeto, o espaço vai ficar muito bonito”, afirmou.
Revitalização
Como parte do projeto de revitalização, a Semasp realizou recentemente o plantio de 2 mil mudas entre espécies nativas, frutíferas e de sombreamento e limpeza geral. O objetivo é proteger os recursos ambientais, levando em consideração a conservação do seu ecossistema e biodiversidade.
(Assessoria de Impnresa)