quarta-feira, 1 de agosto de 2018

MDB manda fazer pesquisa para governador e senador no Ceará


O MDB, partido do senador Eunício Oliveira, contratou uma empresa para aplicar 2.000 entrevistas no Estado sobre as intenções de voto para governador e senador.
Segundo o TSE, o início da pesquisa começou na última sexta-feira (27) e se encerrou na segunda-feira (30).
A empresa contratada é a Ift.Com Editoração Eletrônica Ltda. ao custo de R$ 34,9 mil.
No questionário encaminhado ao TSE, a empresa pergunta ao entrevistado em quem ele votaria para governador se a eleição fosse hoje. São apresentados quatro nomes: além do governador Camilo Santana (PT), que vai tentar a reeleição, constam os nomes de Aílton Lopes (PSOL), general Guilherme Theophilo (PSDB) e Hélio Góis (PSL).
Já oito nomes são testados em diversos cenários na pesquisa para as duas vagas de senador: além de Eunício, aparecem Cid Gomes (PDT), Luiz Eduardo Girão (PROS), José Bardawil (Podemos), Mayra Pinheiro (PSDB), Lúcio Alcântara (PSDB), Mauro Filho (PDT) e André Figueiredo (PDT).
Os partidos têm até o próximo dia 15 de agosto como prazo final para pedir o registro de candidaturas ao TSE.