sexta-feira, 6 de julho de 2018

VLT de Fortaleza: operação assistida é ampliada e conta com oito estações


Nesta Nesta sexta-feira (6), a estação do VLT na Parangaba marcou o início de uma nova etapa para a mobilidade urbana na Capital. O Governo do Ceará inaugurou em sequência oito estações do VLT Parangaba-Mucuripe. Foi ampliada a operação assistida entre as estações até o Papicu. A ação aumenta mais 6,1 km no trajeto do VLT, que já operava entre as estações Parangaba e Borges de Melo (4,7 km).
O momento contou com a presença do governador Camilo Santana,acompanhado do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, do presidente do Senado Federal, Eunício Oliveira, do secretário da Infraestrutura do Ceará, Lucio Gomes, além de lideranças políticas locais.
Da Parangaba até o Papicu, a comitiva fez a viagem sobre trilhos junto com a população usuária de transporte público. Até o meio-dia, as viagens de passageiros são feitas sem cobrança de tarifa.
Além da Parangaba e Papicu, as estações inauguradas foram Montese, Vila União, Borges de Melo, São João do Tauape, Pontes Vieira e Antônio Sales. Em cada uma destas, Camilo Santana realizou o descerramento de placa para inauguração oficial e acompanhou apresentações culturais das diversas regiões da cidade.
“Nós estamos entregando oito estações da Parangaba até o Papicu, são oito das dez estações do VLT. Elas são conectadas à linha sul do Metrô e vamos iniciar a operação assistida de segunda a sexta-feira, gratuita. Equipes do Estado e da Prefeitura já estão trabalhando a integração do VLT e do metrô com o sistema de transporte público”, explicou o governador na abertura da operação assistida.
“Nós estamos entregando oito estações da Parangaba até o Papicu, são oito das dez estações do VLT. Elas são conectadas à linha sul do Metrô e vamos iniciar a operação assistida de segunda a sexta-feira, gratuita. Equipes do Estado e da Prefeitura já estão trabalhando a integração do VLT e do metrô com o sistema de transporte público”, explicou o governador na abertura da operação assistida.
O chefe do Executivo ainda destacou que já foi feita a liberação dos recursos que vão garantir a conclusão das obras da linha leste do Metrô de Fortaleza. “Com isso, nós vamos fazer com que a capital cearense seja a maior do Brasil com extensão metroviária dentro da cidade. A linha leste vai integrar a linha sul no Centro da Cidade e o VLT com a estação do Papicu”, projetou Camilo.