segunda-feira, 16 de julho de 2018

Lúcio Alcântara e Mayara Pinheiro desistem de candidatura ao Senado e oposição busca alternativas

Únicos nomes da oposição à concorrer o Senado desistem. Foto: O Povo


O ex-governador do Ceará, Lúcio Alcântara, e a ex-presidente do sindicato dos médicos do estado do Ceará, Mayara Pinheiro, ambos do PSDB, desistiram de suas pré-candidaturas ao Senado. Mayara irá concorrer à câmara federal e Lúcio Alcântara desistiu por motivos pessoais. Os dois seriam as únicas alternativas que os partidos de oposição ao Governo do Estado tinham para compor a chapa do senado. Mas a oposição aposta em outros nomes para a disputa.
Lúcio publicou uma mensagem em seu perfil no Facebook em que justifica sua retirada: "(...) antes de me decidir, resolvi avaliar os fatores em jogo inclusive do ponto de vista pessoal e familiar. Cheguei à conclusão de que não deveria entrar na disputa", escreveu.
A outra alternativa para compor o bloco dos partidos da oposição a concorrer ao Senado está confirmado o empresário Luís Eduardo Girão (Pros), que foi presidente do Fortaleza Esporte Clube. Além dele, também foram apontados os nomes de Luiz Pontes (PSDB) e Leandro Vasques (Pros). Leandro Vasques tenta se colocar como vice do general Guilherme Theophilo.
Com informações do jornal O Povo