segunda-feira, 23 de julho de 2018

Casa nova: Gledson Bezerra fala sobre a nova sede da Câmara dos vereadores

O valor final da obra pode custar mais de R$ 2 milhões. Foto: Miséria
O presidente da câmara dos vereadores de Juazeiro do Norte, Gledson Bezerra (PMN), falou sobre a construção da nova sede da Câmara. A construção é orçada por meios de recursos financeiros próprios da casa e nem uma parte vem de verba federal, estadual ou mesmo do município. O vereador também comemorou o balanço positivo do final do semestre obtendo mais de R$ 1,2 milhões em caixa. “Foi um semestre bastante satisfatório”, disse o presidente do legislativo juazeirense.
Segundo o vereador, que também é pré-candidato a deputado estadual, a justificativa da construção do novo equipamento vem da necessidade de o prédio atual não possuir gabinete para os vereadores atender a população, auditório próprio, além de outras necessidades.
O novo espaço contará com plenário de 24 lugares, recepção, áreas de convivência, salas de reuniões, arquivo, gabinetes individuais para os vereadores, sala de imprensa, área para abrigar o setor administrativo, estacionamento, galerias com o dobro de capacidade da atual Câmara distribuídas em dois pisos e com total acessibilidade para cadeirantes e pessoas com necessidades especiais. “É um prédio moderno, muito econômico do ponto de vista financeiro. Tudo com recursos próprios.”, destaca referindo-se ao valor da obra orçada em mais de R$ 1,2 milhões, para a primeira etapa, e na segunda o valor final pode dobrar em mais de dois milhões de reais.
“Temos a necessidade de ofertar à população juazeirense um prédio à altura do povo.”
Outra justificativa é que a câmara atual vinha paga por alugueis em prédios anexos, que para as contas da casa saia caro. Em um deles, segundo o parlamentar, a câmara paga mais de R$ 5 mil só em aluguel. “Não é justo gastar o dinheiro da população com esses alugueis.”, justifica.
(Colaborou Rafael Pereira)