quinta-feira, 26 de julho de 2018

Agentes de Endemias do Crato aprimoram seus conhecimentos no Curso de Vigilância e Controle das Arboviroses


O município do Crato está sediando o Curso básico de Vigilância e Controle das Arboviroses, realizado através de uma parceria da Escola de Saúde Pública do Ceará (ESP/CE), por meio da Diretoria de Educação Profissional de Saúde (Dieps), com a Secretaria da Saúde do Ceará, através da Coordenadoria de Promoção da Saúde/ Núcleo de Vetores (Nuvet) e Comitê Gestor Estadual de Políticas de Enfrentamento à Dengue, Zika e Chikungunya.
Participam dessa capacitação, iniciada ontem, quarta-feira, 25, e seguindo com os dias 09 ,16 e 23 de agosto, 32 agentes de endemias da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). Todos os dias da capacitação serão realizados no auditório da 20ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRES) com o objetivo de promover o conhecimento e o desenvolvimento das habilidades e competências desses profissionais para que eles estejam mais capacitados e forneçam orientações corretas e seguras a população, oferecendo mais qualidade durante o trabalho de campo e visitas domiciliares, sobretudo em relação a identificação e enfrentamento ao mosquito Aedes Aegypti.
De acordo com a Coordenadora Especial da Vigilância em Saúde, Arlene Sampaio, as atividades da qualificação serão mediadas por facilitadores, com teoria (aulas, estudo de casos, trabalhos em grupo), e com ações de ensino-aprendizagem no ambiente de trabalho dos alunos.
O agente de endemias Edmilson do Nascimento relata ser de grande importância a participação no curso. “Estaremos aprimorando nossos conhecimentos, podendo assim desenvolver um trabalho com mais eficiência e eficácia”, disse.
Arboviroses são as doenças causadas pelos chamados arbovírus. Um grande transmissor de arboviroses atualmente é o mosquito Aedes aegypti, vetor da dengue, zika vírus, febre chikungunya e febre amarela.
(Assessoria de Comunicação)