terça-feira, 22 de maio de 2018

Exposição "Des-olhados" propõe visão diferenciada sobre Juazeiro do Norte

A rotina pode tornar as pessoas indiferentes (e de certa forma cegas) a detalhes da vida a seu redor. A exposição “Des-olhados” pretende transformar esse olhar, utilizando técnicas fotográficas para mostrar a cidade de Juazeiro do Norte de outras formas. A mostra será aberta ao público a partir de sexta-feira, 25 de maio, no Centro Cultural Banco do Nordeste Cariri.
Glauco Vieira trabalha com “fotografia alternativa”. O termo  refere-se ao diálogo entre técnicas artesanais da fotografia analógica e digital. Na exposição “Des-olhados”, o autor utilizou a cianotipia, que produz imagens monocromáticas em ciano (azul). E também realizou dupla-exposição, método que faz imagens sobreporem-se.
A proposta do fotógrafo é apresentar imagens que tragam à tona novo olhar sobre a cultura urbana. “Evocamos os sujeitos invisibilizados nas representações hegemônicas da cidade”, explica Glauco. O uso da cianotipia possibilita ver “a realidade de outra forma, noutras tonalidades: fugir do real para revê-lo”, ele destaca.
Glauco Vieira vive no Crato (CE). Ele é fotógrafo e cineasta, com formação no Atelier da Imagem (RJ). É coordenador do Grupo Imago e professor do Curso de Geografia, ambos da Universidade Regional do Cariri (Urca). Desenvolve práticas em laboratório de fotografia Preto & Branco (P&B), de manipulação de fotoquímicos para os processos fotográficos de cianotipia, com sais de prata e com a combinação de sais de ferro e prata (Marrom Van Dick MVD).
Serviço:
Abertura da exposição “Des-olhados” (Glauco Vieira – Crato/CE)
Dia: 25 de maio, sexta
Horário: 18h30
Local: Galeria 4º Andar do CCBNB Cariri (Rua São Pedro, 337 - Centro, Juazeiro do Norte)