quinta-feira, 3 de maio de 2018

"Eu não vou dar um palpite sequer sobre o rumo do PT", diz Ciro

CIRO GOMES AFIRMOU que O pré-candidato à Presidência da República Ciro Gomes (PDT) considera “improvável” uma aliança com o PT no primeiro turno. Reagindo à declaração do ex-ministro Jaques Wagner (PT), que admitiu que a sigla poderia indicar o vice da sua chapa, Ciro seguiu o mesmo discurso de petistas e pedetistas e descartou a possibilidade, afirmando que “compreende” e “respeita” o momento do PT e que não dará palpite sobre as decisões tomadas pelo partido. “Não vou dar um palpite sequer sobre o rumo do PT. O PT tem naturalmente seu tempo e seu principal líder preso (o ex-presidente Lula) tem naturalmente que dar a palavra que ele achar que deve dar na hora própria”, afirmou o ex-governador do Ceará em entrevista a uma rádio paulista, na noite de ontem. O Povo