quinta-feira, 10 de maio de 2018

Cargos proporcionais - PT pode sair do blocão pró-Camilo


O PT não vai entrar no blocão dos partidos que apoiarão a reeleição do governador Camilo Santana (PT), no que diz respeito à briga pelos cargos proporcionais.
Quem avisa é o deputado federal José Nobre Guimarães (foto), confirmando ter conversado sobre o assunto com a deputada federal Luizianne Lins. Os dois controlam o diretório estadual petista e avaliam que, integrar com aliados nessa esfera, é enfraquecer mais ainda o partido no Estado.
Guimarães explica que o PT precisa marchar sozinho para cumprir duas exigências do diretório nacional: 1) fazer a defesa de Lula; e 2) fazer a defesa do próprio petismo. Isso exigirá espaço na propaganda eleitoral.
Guimarães não quer que aconteça o que houve em 2014, quando Luizianne, por exemplo, teve que entrar na Justiça para aparecer, derrubando imposição dos Ferreira Gomes.
Camilo Santana, no entanto, fica na expectativa. Aguardará o fim de junho, quando o partido fará encontro para definir a tática eleitoral. Será esse o momento para decisões concretas sobre a campanha.
(Blog do Eliomar)