terça-feira, 29 de maio de 2018

Bloqueios no Ceará devem prosseguir hoje


O dia seguinte ao pronunciamento de Michel Temer (MDB), com redução no valor do diesel e mudança para o preço mínimo do frete, foi de bloqueios nas rodovias do Ceará. Conforme a Polícia Rodoviária Federal, na noite de ontem, 12 trechos permaneciam paralisados e 29 pontos foram liberados. O movimento de caminhoneiros afirma que protestos devem prosseguir hoje.
Na manhã de ontem, motoristas bloquearam os dois sentidos da BR-222, na altura do bairro Tabapuá, em Caucaia, e o km 18 da BR-116 seguia interditado. Nova paralisação aconteceu também na CE-040, altura do Quarto Anel Viário. Por lá, caminhoneiros afirmavam não aceitar as medidas anunciadas por Michel Temer (MDB).
Nas duas rodovias, helicópteros sobrevoaram os pontos de protesto. Buzinaços foram ouvidos pela reportagem do O POVO na BR-116, no Eusébio, onde o trânsito ficou congestionado no sentido Sertão-Praia. Os grevistas também entoaram gritos de “Fora, Temer” e cantaram o hino nacional brasileiro, além de pedirem intervenção militar.
Em nota, a Fraport, administradora do Aeroporto de Fortaleza, informou que recebeu ontem oito carretas com combustível. Porém, segue operando nos seus níveis de reserva. “Com este reabastecimento, a nova previsão é que as operações sigam até quarta-feira, 30, fim da noite”.
Já a Plural (Associação Nacional das Distribuidoras de Combustíveis, Lubrificantes, Logística e Conveniência), confirmou, em nota, que tão logo as desobstruções ocorram, a população começará a sentir os efeitos da retomada do abastecimento. “Nas regiões desobstruídas do Norte e parte do Nordeste, o abastecimento caminha para a normalidade”.
ÔNIBUS
A frota de ônibus de Fortaleza deve operar sem redução nesta semana. O abastecimento dos veículos foi garantido no último domingo, 27, conforme Sindiônibus.
(O Povo)