quarta-feira, 18 de abril de 2018

Juazeiro do Norte deve sediar a Secretaria Judiciária Regional


A viabilidade de instalação da Secretaria Judiciária do Cariri, em Juazeiro do Norte, começa a ser avaliada, a partir de reunião realizada na segunda-feira, 16, no Centro Multiuso, no município, onde deverá ser sediada a repartição da justiça. Estiveram reunidos o chefe de Gabinete, Nildo Rodrigues, o Procurador Geral do Município, Micael François, além das juízas diretoras dos fóruns das cidades de Juazeiro do Norte e Barbalha e servidores.
Ontem (terça-feira, 17), o prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra, esteve com o presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará, desembargador Gladyson Pontes, e o juiz auxiliar da presidência, Luciano Rodrigues, juntamente com o chefe de gabinete da prefeitura de Juazeiro do Norte, Nildo Rodrigues. Durante a visita, o chefe do executivo destacou as motivações e objetivos para que a sede da Secretaria Judiciária do Cariri seja implantada em Juazeiro do Norte. Com isso, foi proposto o privilegiado espaço do Centro Multiuso, para que se efetive a instituição de caráter regional, na terra do Padre Cícero.
Com a instalação, a secretaria deverá incorporar os serviços das três principais cidades da região. Após uma breve reunião sobre as novas instalações, com as juízas Maria Lúcia Viera, de Juazeiro do Norte, e Alessandra Lacerda Batista Brito, de Barbalha, foram destacas pelo chefe de gabinete, as condições do espaço, numa área estratégica onde estarão centralizados diversos serviços de órgãos regionais, além de, em breve, na área do centro multiuso, haver um terminal rodoviário, o próprio centro administrativo municipal, contando no seu entorno com uma maior organização em relação à mobilidade, entre outros benefícios para a área.
O chefe de gabinete, Nildo Rodrigues, ainda destacou o interesse do prefeito Arnon Bezerra de estimular, cada vez mais, a instalação de órgãos administrativos no prédio, destinados ao melhor atendimento da população.
As condições estratégicas do local foram apontadas, tanto para as cidades de Crato como de Juazeiro do Norte e Barbalha. A juíza Maria Lúcia Vieira ressaltou as boas condições do prédio, mas disse que são necessários estudos mais técnicos, como análise do espaço para quantidade de funcionários e as adequações, que podem ser feitas posteriormente. Atualmente são cerca de 45 pessoas que compõem o quadro de técnicos das secretarias.
Ao final da reunião, foi realizada uma visita pela equipe do judiciário e da Prefeitura Municipal às instalações do multiuso, no primeiro andar do prédio. O local também abrigará, ainda este ano, as instalações do Centro Administrativo da Prefeitura Municipal.
(Assessoria de Imprensa)