BNB

BNB

terça-feira, 21 de novembro de 2017

Dr. Santana diz sofrer perseguição política do MP


O deputado estadual Dr. Santana classificou de descabida e perseguição política a denúncia feita pelo Ministério Público Estadual, que na segunda-feira (20), pediu a cassação do mandato do deputado por ato de improbidade administrativa. O deputado foi acusado pelo MP de doação irregular de terreno, beneficiando empresários, o que teria ocasionado prejuízo ao erário público, na época que Santana foi prefeito de Juazeiro do Norte (2009-2012). Além da perda do cargo público, o MP pede a perda dos direitos políticos por 5 a 8 anos.
Segundo Santana, o ato foi irresponsável, pois suas contas de gestão foram aprovadas na câmara municipal e no extinto Tribunal de Contas dos Municípios. "Há tempos o MP quer desestabilizar minhas candidaturas e desse vez não é diferente", afirmou.
O deputado diz ainda que todo seu patrimônio é o mesmo de antes de entrar na Prefeitura de Juazeiro do Norte: um carro, casa e conta-salário. "Tudo construído como meu trabalho de médico há 30 anos na Região do Cariri", finalizou.