bnb

terça-feira, 26 de setembro de 2017

Governo do Ceará capacita profissionais de saúde em seminário de desenvolvimento infantil

Foto: Divulgação

O governador Camilo Santana e a primeira-dama do Ceará, Onélia Santana, participaram nesta terça-feira (26) do lançamento estadual do Curso de Qualificação em Desenvolvimento Infantil, durante abertura do Seminário “Compreendendo o Desenvolvimento Infantil”, que visa à formação de 15 mil agentes comunitários de saúde na temática da primeira infância. A atividade, realizada no Centro de Eventos do Ceará, é mais uma ação do Programa Mais infância Ceará, no pilar Tempo de Crescer, e reuniu cerca de dois mil profissionais de saúde dos 184 municípios cearenses, entre agentes comunitários de saúde, coordenadores da Atenção Primária e secretários de Saúde.
“Nós queremos aqui, com esse seminário, reconhecer, apoiar e fortalecer o trabalho de todos os agentes de saúde do Estado do Ceará, além de fazer um diagnóstico em cada município cearense para saber a realidade das nossas crianças e, assim, termos um conjunto de ações para enfrentar os desafios e melhorar a qualidade de vida delas”, destacou o governador Camilo Santana.
Para a primeira-dama do Ceará, é preciso trabalhar unindo forças para garantir os direitos de todas as crianças. “A neurociência está aí para explicar a importância da afetividade, do carinho, do amor, do lado mais humano, mais fraterno, da família, da comunidade. E é preciso estarmos todos juntos para que possamos garantir os direitos das crianças e que elas tenham o desenvolvimento adequado que merecem”, salientou a Onélia Santana.
O seminário
O evento faz parte da primeira etapa de capacitação dos agentes comunitários de saúde em desenvolvimento infantil. Ao todo, o curso terá carga horária de 100 horas/aulas, sendo 60 horas online, orientadas para a iniciativa “Família Brasileira Fortalecida na Atenção à Primeira Infância”, e 40 horas divididas entre encontros presencias e atividades práticas com temáticas sobre desenvolvimento infantil, atenção à saúde, cultura de paz e educação na infância.
No evento, foram abordados temas do Desenvolvimento Infantil em conferências, palestras e mesas redondas conduzidas por especialistas da área. Com a capacitação, os profissionais passarão à identificar os aspectos do desenvolvimento físico, cognitivo, afetivo e social da primeira infância, bem como do olhar interessado para essa temática no território. A formação contemplou ainda os municípios com um diagnóstico situacional e um plano de intervenção para a primeira infância de cada cidade.
O coordenador do escritório do Unicef para os Estados do Ceará, Piauí e Rio Grande do Norte; Rui Aguiar, palestrou sobre a Rede Comunitária de Proteção à Infância e afirmou como o Programa Mais Infância Ceará vem atuando no desenvolvimento das crianças cearenses. “A estratégia que o Programa Mais Infância Ceará está montando é muito boa porque aciona as pessoas mais próximas das crianças e das famílias, que são os agentes de saúde, os assistentes sociais dos Cras e Creas e dos educadores infantis. Essa formação pode acelerar o processo de busca ativa das crianças que mais precisam, o que vai casar muito com o que virá em seguida, que é o Programa de Superação da Extrema Pobreza Infantil no Ceará. E esses agentes poderão ajudar muito nas futuras estratégias”, disse.
(Governo do Ceará)