quinta-feira, 21 de maio de 2015

Maria da Penha no Crato


O auditório da Escola Profissionalizante foi pequeno para abrigar o público que esteve presente para assistir a palestra da assistente social Maria da Penha, mulher que dá nome à Lei 11. 340/2006, que trata do combate à violência contra à mulher. Maria da Penha  esteve no Seminário Gênero, Mulher e Violência: Luta e Resistência no Cariri Cearense. À tarde, a ativista e militante da causa, esteve visitando a sede do Centro de Referência da Mulher, em Crato, que veio fortalecer a luta no combate à violência no Município.
Maria da Penha tem atuado fortemente para que a lei seja cumprida em sua integralidade e as mulheres se encorajem para denunciar os crimes cometidos contra a integridade física e psicológica. O evento contou com uma grande participação de autoridades locais, integrantes de conselhos, alunos, onde foram apresentados posicionamentos a respeito da violência no Crato e Região, além de responder diversos questionamentos dos participantes.
A primeira-dama do Crato, Gil Mattos, esteve recepcionado Maria da Penha, prestando homenagem à militante, com a entrega de um buquê na chegada da palestrante ao Juazeiro do Norte, onde foi recepcionada por diversas militantes da região. Além de Gil Mattos, estiveram presentes integrantes do Conselho Municipal de Mulher Cratense, Projeto Mulheres da Paz, e a secretária do Trabalho e Desenvolvimento Social do Crato, Elisangela Rodrigues.
(Governo do Crato)