quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Jovem é executado em frente a delegacia e ao lado do quartel do 2º BPM, em Juazeiro do Norte

Eudes Lima, camisa vermelha, havia sido preso horas antes de ser executado

Como se não bastasse a chacina ocorrida em Juazeiro do Norte, onde três adolescentes foram executados sem chances de defesa, no bairro São José, chacina na qual, a Polícia ainda não tem nenhum pista dos assassinos, horas depois, ainda nesta terça-feira (16), a execução do jovem Eudes Lima dos Santos, 18, chamou atenção das autoridades pela audácia dos criminosos. É que Eudes Lima foi executado ao sair da Delegacia Regional de Policia Civil, que fica ao lado do quartel do 2º BPM de Juazeiro do Norte, no bairro Romeirão.
O crime ocorreu por volta das 23 horas. Eudes Lima e outro jovem haviam sido presos na tarde do mesmo dia por porte ilegal de armas. Os dois foram conduzidos para a delegacia e horas depois, de prestar depoimentos foram postos em liberdade. Ao sair da delegacia e atravessar a rua, dois homens que estavam de moto tentaram matar os jovens, mas o segundo conseguiu voltar para a delegacia. Já Eudes foi morto com dois tiros, um no peito e outro na cabeça.
Os assassinos, mais uma vez, conseguiram fugir sem ser identificados. Segundo a Polícia, Eudes Lima era acusado de homicídio.
O jovem foi executado na calçada da escola José Alencar, em frente a delegacia.