sábado, 26 de abril de 2014

Audiência Publica fracassa e expõe o amadorismo do Poder Lesgislativo de Juazeiro do Norte

Capitão Vieira fracassou em seu primeiro grande evento. (Flavio Pinto )

Não precisava ser nenhum adivinha para chegar a conclusão de que a Audiência Pública da Câmara Municipal realizada na tarde de ontem (25), em Juazeiro do Norte seria um  fiasco. Algumas ações ja previam o fracasso. Entre elas, a desorganização e a forma amadora de como foi sendo desenrolada. Outro fator é o descrédito que a população de Juazeiro tem como Poder Legislativo Municipal.  Para não ser leviano, poucos tem a valorização e o desempenho da função de vereador reconhecidos.
Como justificar a presença de apenas três dos 15 parlamentares, entre deputados e senadores, convidados?
Eu explico: desorganização e falta de habilidade política.
Alguns deputados e até senador, além de assesores, me disseram não terem tomado conhecimento da audiência ate o dia anterior. Muito embora, o presidente da casa ter afirmado ter ido a Assembleia Legislativa pessoalmente entregar os convites. Será que o fez pessoalmente ou apenas o deixou nos gabinetes? A ida foi em tempo hábil para que os parlamentares pudesem agendar a vinda?
Até mesmo o presidente Capitão Vieira já tinha o mesmo pressentimento.  Basta recordar seus insistentes apelos para a imprensa.
Foi as emisoras de radio e fez vários pedidos nas duas ultimas sessões que antecederam o evento, aos jornalistas para faz ser a divulgação. Faltou aí amadurecimento politico.
Por outro lado mostrou o que todos já sabiam. Juazeiro precisa dar um basta nos deputados "paraquedistas", aqueles que só vêm a Juazeiro em epoca de eleição. Emfim, a audiência que serviria de pontapé para se iniciar um novo ciclo (talvez positivo) no Poder Legislativo Municipal tornou-se um "tapa na cara" da Câmara, pois não ha espaços para amadorismo.