quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Profissão Repórter decepciona juazeirenses

Quem em Juazeiro do Norte ficou acordado esperando o Profissão Repórter desta terça-feira (17), se decepcionou. É que nenhuma referência foi dada ao "Escândalo das Vassouras" durante o programa. O motivo foi o excesso de material colhido pela equipe que passou duas semanas no Ceará investigando a corrupção em várias prefeituras e câmaras municipais cearense.
O ponto forte do programa foi saber que no Ceará é onde mais corruptos foram presos por determinação do Ministério Público. Somente esse ano foram 843 prisões de prefeitos, secretários e empresários envolvidos com negociatas ilícitas.
Para se ter ideia, estados bem mais populosos e e maior poder econômico do que o Ceará como Minas Gerais foram 123 prisões, na Bahia apenas 11, e no Rio de Janeiro, 174 prisões.
Mas para quem adora ser do contra, fica  a dica. A  reportagem que a equipe do Profissão Repórter fez em Juazeiro sobre corrupção na Câmara Municipal de Juazeiro do Norte está disponível no site www.globo.com/profissaoreporter.