segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Empresa tenta entregar lotes de medicamentos vencidos à Secretaria de Saúde de Juazeiro do Norte

Olha só que absurdo.
O secretário da Casa Civil de Juazeiro do Norte, Geovani Sampaio denúncia que a empresa vencedora da licitação para a compra de medicamentos tentou fazer a entrega dos lotes com remédios vencidos. A entrega só não foi concretizada porque um funcionário da Saúde teve a ação de verificar a validade dos remédios. Todos os lotes apresentavam medicamentos fora do prazo de validade, alguns deles vencidos há mais de um ano.
Geovani Sampaio recolheu as notas fiscais e as encaminhou para a procuradora geral do município, Mariana Gurgel, que vai entrar com representação contra a empresa Fernandes (vencedora da licitação), com sede em Fortaleza.
O município vai alegar quebra de contrato e exigir indenização, pois há três meses, os postos de saúde e hospitais de Juazeiro do Norte estão à espera dos medicamentos para reabastecer suas farmácias.