quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Cid Gomes e seu grupo político devem anunciar ainda hoje saída do PSB

O governador Cid Gomes volta a se reunir na noite desta quinta-feira (26) com a executiva estadual do Partido Socialista Brasileiro (PSB) para tratar dos destinos de seu grupo político. O encontro marcado para 19h no Hotel Vila Galé, em Fortaleza deve terminar com o anúncio da saída coletiva de integrantes do PSB cearense. De acordo com a coluna do jornalista Felipe Patury, na revista Época, o PSB cearense entrega nesta quinta à executiva nacional do partido uma carta com o pedido de renúncia coletiva e desfiliação.
O texto, segundo o colunista, contém as assinaturas de Cid, de seu irmão Ciro Gomes e do ministro dos Portos, Leônidas Cristino. O grupo ligado ao governador é formado por 38 prefeitos, mais de 200 vereadores, 10 deputados estaduais e quatro deputados federais.
Os cidistas pretendem apoiar a reeleição de Dilma Rousseff nas eleições de 2014 e são contrários a uma eventual candidatura do presidente nacional do partido, o governador Eduardo Campos (PE). O prefeito de Fortaleza Roberto Cláudio e o presidente da Assembléia Legislativa, deputado Zezinho Albuquerque, chegaram a participar da reunião da executiva nacional da sigla, em Brasília, nesta quarta.

 (Isto é)